Notícias

Comerciantes vêm para rua em noite de Santo António

A iniciativa não é inédita e trata-se de uma forma de dar a oportunidade a que os comerciantes que ficam mais periféricos da zona mais central dos festejos de Santo António, possam vir para rua e dar a conhecer as suas especialidades.

O Departamento de Licenciamento da Freguesia de Santo António, incentiva a que numa noite (a de 12 de junho), os comerciantes das Ruas de São José e Santa Marta, estendam o seu negócio para a rua e “assim também possa ter algumas regalias a nível económico do ambiente de arraial que a cidade vive”, explica Vasco Morgado.

Manuel Cabral foi um desses comerciantes. O dono de um dos muitos restaurantes existentes nestas pequenas ruas da freguesia considera “esta uma iniciativa muito boa e ajuda a atrair mais pessoas a estas ruas que, por serem mais estreitas e não poderem ser fechadas ao trânsito, conseguem desta forma ter mais movimento”.

Para José Maria, esta era uma experiência vivida em primeira viagem. “Estamos abertos há poucos meses e quando soubemos que era habitual haver este incentivo por parte da Junta de Freguesia, ficámos entusiasmados”. A expectativa era muita sendo que, “em termos de movimento, estamos a notar uma afluência bem maior que a habitual e esperamos que corra tudo bem”.

Para quem passeou por estas ruas na noite de Santo António fico surpreendido pela diversidade eclética que ali se concentrou: havia música para todos os gostos, em termos de escolhas alimentares, a sardinha e as bifanas continuam a ser as rainhas da festa.