No passado domingo, 25 de outubro, o presidente da Junta de Freguesia de Santo António, Vasco Morgado, esteve presente na inauguração da instalação “Beyond the Trees”, de Tulio Dek, que estará patente no Jardim do Torel até 25 de novembro.

A instalação invadiu por completo este espaço, enchendo o jardim de troncos decepados – puxando a atenção para a desflorestação – e tingindo de negro o tão conhecido lago do Torel, aludindo aos desastres petrolíferos mas também à poluição atual de máscaras descartáveis. O objetivo do artista desta instalação, Tulio Dek, é o de alertar os visitantes para a destruição massiva do planeta e a necessidade de inverter esse paradigma. Por essa razão, um terceiro elemento, uma pequena casa de madeira, convida os visitantes a levarem consigo sementes de várias espécies autóctones portuguesas para plantar, cumprindo assim o ciclo da instalação.

“Quando nos mostraram o projeto achámos que fazia todo o sentido ter esta instalação na Freguesia, até porque estávamos a tomar vários passos no sentido de utilizar melhor o que temos à nossa disposição. Com a pandemia, e com o uso necessário do descartável, houve um retrocesso, por isso fomos em contra-ciclo, dando o alerta às pessoas para que tenham cuidado relativamente às suas ações ambientais”, afirma Vasco Morgado.

Esta instalação comporta ainda uma componente científica - através de QR Codes espalhados pelo Jardim do Torel, o visitante pode aceder a vídeos onde se explicam os processos de purificação da água através do solo, a degradação dos mesmos e ainda a importância de valorizar o pinheiro e a resina.

Esta instalação, que conta com a curadoria de Rui Afonso Santos, curador do Museu Nacional de Arte Contemporânea e historiador de arte, é produzida pela Square One – Contemporary Art Agency. Tem ainda o apoio da Freguesia de Santo António, da Fundação para a Ciência e Tecnologia, da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, do Museu da Água, da LX Store, da Universidade de Lisboa, da Centre for Ecology, Evolution and Enviromental Changes, da TNT Arte e da Comissão Europeia.